Clube do Nono - Plano Bicchiere Agosto/2018







VINHO PIZZATO TANNAT RESERVA 2013
Elaborado desde a colheita 2003, sempre esteve entre os mais destacados Tannat Brasileiros. Está presente em pontos de referência gastronômica no Brasil e na Europa (The River Hotel Savoy London, Restaurantes estrelados Michelin na Alemanha, outros).

Proposta do Vinho: Vinho estruturado, mas sem perder a elegância. Para beber agora ou amadurecer (bom potencial de guarda). Passagem por barris de carvalho francês. Vinhedos próprios, conduzidos em espaldeiras (1986). Das melhores parcelas do vinhedo Sta Lúcia, Vale dos Vinhedos. Todas as garrafas numeradas, em lotes pequenos.
Notas de Degustação*: Vermelho escuro, denso; no olfato apresenta uma mescla de aromas de frutas escuras, chocolate escuro, especiarias, couro e geleias (ameixa, amora) e torrefação; boca de bom corpo e estrutura, com taninos firmes e prazerosos, de longa permanência; retro olfato de boa persistência.
* notas geralmente observadas
Harmonização: Caças, cordeiro, feijoadas, cassoulets, queijos fortes e pratos quentes gordurosos em geral.
Serviço: Para melhor apreciar os pontos fortes deste vinho, sugere-se que a temperatura da bebida esteja entre 15 e 18ºC.
Dados desta Colheita: Colheita: em fevereiro/março de 2013
Dados técnicos:
Álcool (% vol.) : 13,5
Açúcar residual (g/l) : 2,3
Acidez total (g/l ác.tartárico): 6,07
pH: 3,62
Tempo de barril (meses): 12, francês
Elaboração do Vinho: Fermentação e maceração em tanques de aço inoxidável, com leveduras selecionadas e temperatura controlada. Tempo total de fermentação e maceração: 9 dias.  Amadurecimento em barris de carvalho francês


VINHO FAUSTO (de Pizzato) TANNAT 2015
Elaborado desde a colheita 2005, passou a ser engarrafado com a colheita 2007 como demanda do mercado Alemão e, a partir da edição 2009 passou a ser comercializado nos mercados Brasileiro, dos EUA, de Luxemburgo, Reino Unido, Francês, entre outros.

Proposta do Vinho: Passagem por barris de carvalho francês (3º a 5º usos). Vinhedos próprios, conduzidos em espaldeiras. Das melhores parcelas do vinhedo Dr Fausto, Serra Gaúcha. Lote limitado, com numeração das garrafas.
Notas de Degustação*: Vermelho rubi com tons violáceos; intenso; aromas de amoras silvestres e frutas escuras em geral, mentolado, terroso, pó, especiarias, defumado e leve couro. Apresenta taninos finos, é equilibrado, fresco e persistente; corpo médio. No retro gosto, amoras, geléia, especiarias e couro. Boa persistência e sensação de frescor.
* notas geralmente observadas
Harmonização: Caças em geral, cordeiro, feijoadas, cassoulet, carnes gordas, queijos fortes em geral.
Serviço: Para melhor apreciar os pontos fortes deste vinho, sugere-se que a temperatura da bebida esteja entre 15 e 18ºC.
Dados desta Colheita: Datas de colheita: Fevereiro de 2015
Dados técnicos:
Álcool (% vol.) : 13
Açúcar residual (g/l) : 2,4
Acidez total (g/l ác.tartárico): 5,8
pH: 3,69
Tempo de barril de carvalho (meses): 10 (3º a 5º usos)
Elaboração do Vinho: Fermentação e maceração em tanques de aço inoxidável, com leveduras selecionadas e temperatura controlada. Tempo total de fermentação e maceração de 6 dias. Passagem do vinho por barris de carvalho francês.
A Pizzato foi pioneira no plantio de Tannat em espaldeiras na Serra Gaúcha nos anos 1980, decorrente de visita do Sr Plínio Pizzato ao Uruguai por ocasião da ‘reconversão vitivinícola’ em curso à época naquele país. Nos anos 1990 a família levou a Tannat também para o vinhedo Dr Fausto.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Clube do Nono Presente no Seu Natal - Seleção de Dezembro

Clube do Nono - Box Outubro/2018

Sunset - Seleção de Novembro